Terça-feira, 19 de Março de 2019
Ciência, Tecnologia e Meio Ambiente

Novo golpe do WhatsApp 'clona' chips de celulares e invade contas de usuários

Publicada em 08/01/19 às 08:35h

por Correio da Paraíba


Compartilhe
   

Link da Notícia:


O novo golpe clona celulares do usuários — Foto: Imagem Ilustrativa

Um novo golpe através do aplicativo de mensagens WhatsApp está lesando dezenas de vítimas em vários Estados. Estelionatários clonam chips dos celulares das vítimas, obtendo a lista de contatos e assumindo o controle das contas do WhatsApp.

A partir de então, os bandidos enviam mensagens, se passando pelas vítimas, mantendo nome e foto do perfil e pedindo dinheiro emprestado, simulando situações de emergência. Para serem convincentes, falam como se fossem amigos e pedem o dinheiro “emprestado”, prometendo reembolso.

Somente em João Pessoa, seis pessoas prestaram queixa na Delegacia de Defraudações, depois de fazer depósitos em dinheiro para contas bancários de bandidos, acreditando que estava ajudando um amigo.

Uma das vítimas de João Pessoa foi o pastor Jean Kleber, líder de uma das maiores igrejas da cidade. Segundo ele, no último dia 29 o celular amanheceu apenas com sinal chamada de emergência.

“Alguns minutos depois chegou uma mensagem dizendo que meu WhatsApp tinha sido instalado em outro celular. Pedi para minha filha ligar para meu número e atendeu um homem, dizendo que tinha acabado de comprar aquele chip. Porém, minutos depois ele começou a mandar mensagens para os meus contatos, dizendo que estava precisando de um dinheiro. Como sou muito conhecido, alguns amigos caíram no golpe. Ele conseguiu algo em torno de R$ 9 mil”, relatou.

O pastor procurou a operadora de telefonia, onde fez a troca do chip e o bloqueio do antigo número. “Eles disseram que só não poderiam mexer na conta do WhatsApp. Mas agora tá tudo bem. Acho que acabou”, acrescentou. Jean Kleber fez o boletim de ocorrência e disse que um dos amigos conseguiu suspender um dos depósitos feitos para o bandido.

Outra vítima foi o jornalista James Silver. “Uma pessoa me ligou, com prefixo do Ceará dizendo que o WhatsApp passaria por uma atualização e que eu precisaria usar um código que receberia por SMS. Achei suspeito e descartei a ligação. Mas recebi um segundo telefonema, com um interlocutor mais seguro. Já tinha inclusive o número do meu telefone, mandou o código e fez a confirmação em tempo real. Só percebi que era um golpe quando ele disse que eu não poderia acessar o WhatsApp nos 30 minutos seguintes. Rapidamente cancelei minha conta, mas isso levou 10 minutos, tempo suficiente para ele queconseguir meus contatos e meu perfil”, lembrou.

O bandido que atacou a conta de James conseguiu lesar uma amiga do jornalista. “Se passando por mim, ele disse a ela que estava em uma agência, que o aplicativo do banco havia travado,  pedindo um dinheiro emprestado. Dias depois ela me perguntou quando eu poderia repor o dinheiro, percebi que ela tinha caído no golpe”.

Segundo o delegado Marcos Vasconcelos, da Delegacia de Defraudações de João Pessoa, seis pessoas já compareceram à delegacia para se queixar de ter depositado dinheiro para bandidos, achando que estavam atendendo a pedido de amigos, no WhatsApp.

“Ainda não sabemos como essa clonagem acontece. Temos uma suspeita que uma das formas seja por meio de links com fake news, que as pessoas abrem por curiosidade e acabam instalando vírus no celular. Alerto para que não abram essas mensagens enviadas em massa (para vários usuários ao mesmo tempo), com conteúdos extravagantes. Ainda não temos suspeitos identificados, mas temos uma linha de investigação muito forte, que pode nos dar resultados em breve”, afirmou.



ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário






Nosso Whatsapp

 (83) 9.9636-7101

Copyright (c) 2019 - Portal BV Online - Conectado ao Vale do Piancó!